Menu

The Journey of Bro 960

rockhammer74's blog

Onde Aprender Gastronomia Na Itália, Conheça As Melhores Regiões


Onde Estudar Gastronomia Pela Itália, Conheça As Melhores Regiões


Espécie de pastéis cozidos são característicos da região da Suábia. Com recheio de carne e espinafre, eles são servidos pela sopa ou cobertos de cebola refogada. fonte do artigo que a receita foi inventada por monges no século 17.Assim como este os italianos tem o ravióli, os japoneses, o gyoza, e os poloneses, os pierogi, os alemães têm os maultaschen. A massa germânica é tradicionalmente recheada de espinafre e carne moída, entretanto há assim como versões vegetarianas.


Dado o tamanho e a sustância dos "pasteizinhos", por volta de cinco por pessoa costumam ser suficientes, se forem servidos como prato principal. recomendado que você leia maultaschen são originários da Suábia - localidade cultural e linguística hoje dividida entre os estados da Baviera e de Baden-Württemberg. Há uma série de lendas a respeito do surgimento do prato - mencionado por escrito na primeira vez em 1831, explicado como "macarrão recheado da Suábia". O nome da receita seria derivado da denominação inicial "Maulbronner Nudeltaschen" (trouxinhas de macarrão de Maulbronn). Por muito tempo, os maultaschen foram considerados comida dos pobres, que costumavam-se aproveitar restos de carne, pão e verduras para o recheio.


Hoje eles figuram nas prateleiras de dicas adicionais e menus de restaurantes, principlamente no sul do nação. verifique neste link aqui agora , os schwäbische maultaschen (maultaschen suábios) receberam o selo de indicação geográfica protegida da Combinação Europeia. Associar a farinha com ½ colher de chá de sal, os ovos, o óleo e três colheres de sopa de água.

  • Na batedeira, misture os ingredientes da cobertura
  • Macarrão campestre
  • 1/dois pote de margarina
  • dois cenouras (tamanho médio)
  • Você terá mais domínio sobre o assunto sua própria comida
  • 1/2 lata de milho verde
  • um colher de chá de fermento químico

Trabalhar com as mãos até comprar uma massa homogênea. Cobrir com um pano úmido e deixar descansando em temperatura ambiente durante 20 minutos. Se utilizar o espinafre congelado, colocá-lo num saco pra congelar fechado, na água quente e deixar descongelar durante vinte minutos. Se usar o fresco, lavá-lo e picá-lo. Descascar e picar bem uma cebola.


Bater no processador o espinafre, a cebola, a carne moída, farinha de rosca, sal, pimenta-do-reino e noz-moscada a gosto. na página principal o recheio em 4 partes idênticos. Registro Completo a massa de farinha ao meio. Abrir uma das duas metades com um rolo sobre isto uma superfície enfarinhada, até continuar com cerca de quarenta cm de diâmetro. Dividir a massa aberta ao meio novamente, obtendo duas meias-luas. Esparramar um quarto do recheio sobre isto uma das meias-luas, deixando uma borda de 2 cm.


Pincelar as bordas com água. Rolar a massa por meio da parcela redonda, fechando-a com uma largura de em torno de 5 cm. Achatar um pouco. Segurar cada extremidade do cabo de uma colher de pau com uma das mãos e pressionar a respeito do rolo, deixando quatro sulcos de modo a comprar quatro retângulos. Achatar os sulcos até ficaram com cerca de 1 cm de largura. Pressionar as extremidades do rolo de massa pra que o recheio não saia. Nos sulcos, destacar os retângulos um do outro com um cortador de pastel ou uma faca.


Certificar-se de que os retângulos estão fechados de ambos os lados. Proceder da mesma maneira com as excessivo meias-luas de massa e o recheio restante. No momento em que todos os maultaschen estiverem prontos, pôr água pra ferver com sal. Cozinhar alguns maultaschen por vez pela água fervente, com a panela fechada e em fogo médio, por por volta de quinze minutos. Descascar as 4 cebolas restantes e cortá-las em rodelas finas. visite este site a manteiga numa frigideira e refogar a cebola em fogo médio até permanecer transparente. Tirar os maultaschen da água fervente com uma escumadeira, deixar escorrer e passá-los mais rápido pela frigideira com a cebola. Cuidar com a cebola por cima. Se desejar, servi-los mergulhados em caldo de legumes. Artigo Completo /p>

R. por favor, clique no seguinte site , 230, Tatuapé, região leste, tel. A moradia do chef Pitchou Luambo, refugiado do Congo, dá certo dentro da Fatiado Discos —misto de loja e boteco no Sumaré que assim como promove um evento gastronômico com refugiados sírios e palestinos toda terça à noite. Ali, Luambo prepara receitas veganas de teu país, a modelo do ngombe, um nhoque de banana-da-terra com molho de tomate frescos, cenoura e shimeji, e do mbuzi, fufu acompanhado de couve cozida com pasta de amendoim, servido com banana-da-terra frita.


Às quartas e aos sábados, faz uma versão de feijoada com feijão refogado com azeite de dendê, enriquecido de legumes, shimeji e funghi, acompanhado de arroz cozido no suco de gengibre e farofa de banana-da-terra. Fatiado Discos - Av. Prof. Alfonso Bovero, 382, 2º caminhar, Sumaré, localidade central, tel. Com decoração moderna, esse restaurante em Santana serve receitas de muitas regiões da China. De Sichuan, tendo como exemplo, vem o yakisoba com frutos do mar ao molho picante.

Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.